Europa

Guia Suíça: Prove o Luxemburgeli

Postado dia 17 de fevereiro de 2017

A Suíça como todos sabem é super famosa por seus chocolates e todos produzidos lá são de uma qualidade altíssima, até mesmo os simples e baratinhos de supermercado. Eu, amante de chocolate, não podia ir lá e deixar de experimentar vários, né? Dentre essa experiência chocogastronômica eu encontrei a Sprüngli. Na verdade não é muito difícil de encontrá-la, visto que tem várias lojas por Zurique. A Sprüngli é uma das confeitarias mais luxuosa do país e uma das mais famosas do mundo, ela está no mercado desde 1836 e quem iniciou os negócios foi David Sprüngli quando abriu uma loja de doces em Zurique. Antes de completar 10 anos da inauguração o fundador já tinha uma outra loja na Bahnhofstrasse, a rua mais cara da Europa.

luxemburgeli

A Sprüngli é mundialmente conhecida por ter um dos chocolates mais gostosos do mundo e atualmente a marca trabalha conjuntamente com a nossa querida e amada Lindt.

Assim que entrei na loja o que mais me chamou a atenção foram os luxemburgelis, um doce similar aos macaroons (mas melhores =X), eles possuem esse nome porque o confeiteiro que criou érea de Luxemburgo. A loja vende 11 sabores diferentes, fora os que possuem álcool, dentre os usuais estão: champanhe com recheio de chocolate meio amargo ou chocolate branco, avelã, café, lichia (especial de dia dos namorados), pistache, framboesa, baunilha, caramelo, etc. Foi muito difícil escolher (não são baratos, mas todo mundo que vai à Suíça tem que experimentar), comprei uma caixa com 12, o que me custou uma bagatela de 16 francos suíços (valores de 2017). Esses mini-macarons têm maior quantidade de recheio e massa bem mais aerada que os macarrons produzidos em Paris e são muito especiais por só ter na Suíça.

É interessante saber que nem todas as lojas vendem o luxemburgeli, no aeroporto de Zurique, dentro da área de embarque internacional tem uma loja que não os vende, no entanto fora da área de embarque existe uma loja que vende essas doçuras. O mesmo ocorre na principal estação de trem da cidade, a Zurich HB, que possui duas lojas, uma no subsolo e outra no piso térreo, a última vende os luxemburgelis. Assim que você compra a caixinha vem escrito na tampa “Please enjoy immeadiately”luxemburgeli que significa que você tem que aproveitá-los o mais breve possível, melhor que seja dentro de três dias. Já dentro da caixa vem um papel explicando que eles fazem tudo com produtos naturais, sem conservantes, corantes ou essências artificiais, muitos dos ingredientes são originários diretamente da região, a fim de poder garantir a frescura do produto. Além de tudo isso, explicam que a umidade e temperatura podem influenciar no gosto ou textura dos mini-macarrons suíços. Agora sabemos o porque de comer o quanto antes e também o motivo deles não exportarem.

Me aguentei para não comer tudo e trouxe alguns para Brasil, dei para a minha prima experimentar e… Ela, assim como eu, amou os luxemburgelis. Portanto, quem for para a Suíça não perca essa dica e se delicie com os doces de lá, principalmente esses mais diferentes.

E você, já provou os luxemburgelis? Me conta aí embaixo.




Thália Gama
Botânica, amante de viagens, aventuras, brigadeiro, chocolate, e tudo o que há de bom nessa vida.

POSTS RELACIONADOS

Você também pode se interessar pelas postagens abaixo

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comentarios

Comentarios