Dicas

As melhores dicas de como planejar a sua viagem

Postado dia 16 de agosto de 2016

Se você é o tipo de pessoa que sempre quer viajar quando tem uma folga do trabalho, mas nunca consegue ter tempo suficiente para organizar essa viagem direito, continue lendo esse post, pois vamos te dar 10 dicas de como começar esse planejamento.

Lembre-se que uma viagem bem planejada é muito melhor aproveitada! Pois você já começa a viagem desde a primeira pesquisa. Claro que não precisa ter são rígido com o planejamento, pois você pode encontrar lugares/restaurantes maravilhosos que não estavam nos planos e tornar a viagem ainda melhor.

Eu e o Kelvin sempre planejamos todas as nossas viagens, por mais curtas que elas sejam, então assim nós conseguimos otimizar bastante o nosso tempo.

1 – Lugar

Estabeleça o lugar que você quer conhecer. Esse é o fator mais importante de todos para começar a planejar a viagem. Se você quer ir para fora do país você vai gastar mais tempo planejando, mandando e-mails e vendo os documentos necessários para a viagem (Logo logo farei um post sobre viagem internacional), mas se sua viagem for para um destino dentro do Brasil é mais fácil planejar.

2 – Data

Esse é o segundo fator mais importante, senão o mais importante, afinal sua viagem só acontece se você tiver tempo. Se o seu trabalho é mais flexível em relação às férias melhor, pois muitas promoções de passagens aparecem e geralmente são para viajar dentro de 3-6 meses. Lembre-se que em alta temporada os valores tanto de passagem quanto de hotel aumentam consideravelmente em relação às outras épocas do ano.

3 – Custo da viagem

Estabelecido o local e a data da viagem o próximo passo é planejar todo o resto com base na quantidade de dinheiro que você pode gastar. Esse é um fator essencial, pois é o que vai dar o estilo da sua viagem. Com base no valor é possível programar onde você vai dormir, se vai tentar couchsurfing (hospedagem grátis) ou AirBnb/hostel/pousada/hotel/resort, enfim.

Levar menos dinheiro não significa que você vai se divertir menos, mas significa que você vai pegar metrô ou ônibus, que vai comer em locais menos requintados e não vai trazer lembrança toda a família (o que para mim nem é mais uma opção). Sua viagem pode ser maravilhosa, basta você conhecer bem a cidade antes de visita-la.

4 – Hospedagem

Como falei no item anterior, tudo vai depender da experiência que você quer/pode viver. Se a grana tiver curta tenta o couchsurfing, que é um programa de hospedagem gratuita. Você dorme (pode ser no sofá, cama, chão hahaha… o que eles tiverem) na casa de uma família, o importante aqui é ter um teto. O site para cadastramento está nesse LINK, use e abuse! Outro tipo de hospedagem bem bacana é o AirBnb, mas nesse você tem que pagar (pouco, mas paga). Já os hostels, pousadas e hotéis são mais famosos e para ver a qualidade e informações dos mesmos o seu aliado será o TripAdvisor. Antes de fechar com algum hotel eu sempre vejo TUDO, sim, tudo mesmo no site deles, gosto de ver as fotos dos viajantes, os comentários, a localização, o custo-benefício e isso me ajuda muito no planejamento.

 

10 Dicas para economizar na viagem a dois

5 – O que visitar?

Essa é a parte mais legal de todas, aqui você será o seu guia. É hora de pesquisar os lugares mais legais para visitar no destino escolhido e então mais uma vez eu vou ao TripAdvisor, vou na aba “O que fazer” e vejo a classificação dos melhores lugares para ir, toda essa informação é baseada em visitantes que foram e comentaram. Além do TripAdvisor a maior base de informação para isso são os blogs, existem vááários blogs de viagens que te dão não só uma luz, mas o sol inteiro praticamente, e te ajudam no planejamento da viagem. Eu sempre uso blogs para pesquisar sobre viagens e nunca me arrependi!

6 – O que vestir

Este tópico depende muito da época que você vai viajar e do local, por isso é bom se planejar. Imagina se você leva roupas de verão e na semana que você vai viajar o tempo vira e fica super frio, o que fazer né? Por isso, na semana antes de viajar cheque a temperatura do local, aí fica mais difícil de errar o look e não passar frio/calor.

É muito importante verificar os costumes do local antes de viajar. Alguns países são adeptos do islamismo e outras religiões e eles não estão acostumados com o nosso modo de vestir, portanto, para que você se sinta à vontade use roupas sem muito decote, shorts que não sejam muito curtos, etc, até mesmo porque nesses países alguns passeios envolvem visitação às mesquitas e você não vai querer perder o passeio por não estar vestida apropriadamente, não é? Então neste caso pesquise e tenha bom senso.

Dica Plus: Procure no Pinterest alguns looks, o aplicativo sempre ajuda. Eu geralmente coloco Look + (nome da cidade/país que eu vou)!

img_6082

7 – Onde comer?

Uma das partes mais importantes e gostosas da viagem, a comida. A alimentação local faz parte da cultura da cidade ou país que você está visitando, por isso é tão importante esse envolvimento com a comida. Mesmo se sua viagem for supereconômica tente juntar um dinheirinho para se deliciar com a comida típica local, vale à pena a experiência, mesmo se a comida for ruim, porque vai servir para contar para os amigos. Aqui é importante ver as qualificações no tripadvisor e nos blogs também. Caso você queria comer algo perto do seu hotel procure o restaurante mais próximo no Foursquare.

2014-07-06-13-01-03

8 – Mapa

Sempre tenha em mãos um mapa! Você está em uma cidade estranha e pode se perder a qualquer momento, isso acontece nas melhores famílias, mas não pode estragar a sua viagem, por isso essa ferramenta é tão importante. Eu uso muito o google maps ou o city maps 2go, mas sempre que tem um mapa de graça no metrô ou no aeroporto eu pego, só pra garantir. O mapa também vai auxiliar no planejamento, pois você não vai querer ficar rodando no mesmo lugar, certo? Então é importante ir marcando os pontos de interesse e ver a melhor rota a fazer para não perder tempo.

9 – Seguro viagem

A decisão de contratar um seguro viagem é muito pessoal, mas na minha opinião é sempre muito importante ter um seguro, principalmente se sua viagem é para o exterior, porque vai te deixar aliviado saber que se algum dano acontecer você terá algo para te assegurar, não só em caso de extravio de mala, objetos, mas principalmente em caso de saúde, em acidentes graves, que podem inclusive colocar sua vida em risco.

Já escutei um caso de um cara que foi esquiar em um local, aparentemente seguro nos Estados Unidos, e caiu de uma forma boba. Ele quebrou o nariz e teve que fazer uma pequena cirurgia, mas nem precisou dormir no hospital, foi tudo bem rápido. O moço não estava assegurado e teve que pagar uma bagatela de U$60.000!!!! Se eu fosse eu, morreria quando a conta chegasse. Por isso, pense bem nas vantagens e desvantagens (preço) de fazer um seguro.

10 – Se organize no planejamento!

Última, mas não menos importante: se organize! Não precisa você ser uma pessoa super organizada, que coloca post-it em tudo, basta você anotar todas as informações no mesmo lugar, pode ser em uma planilha no excel (como o Kelvin geralmente faz), em um caderno, agenda, no celular ou em algum aplicativo de viagem, aqui no blog comentei sobre alguns aplicativos que te ajudam no planejamento:

Dicas para economizar na viagem a dois

O essencial é não perder as informações, pois se isso acontecer vai ser trabalho perdido. Imagina só, procurar os lugares que você quer visitar, não anotar e depois ter que achar tudo de novo, não dá né? Afinal todas essas dicas servem para otimizar seu tempo e para que você realmente sinta a viagem desde o início dela, o planejamento!planeja-viagem1

As pessoas que são mais organizados dividem os passeios por dia, proximidade e às vezes até horários, o que pode ser importante em alguns casos, como por exemplo na Catedral de Estrasburgo, que você só pode ir no relógio astronômico que fica no topo da igreja até meio dia, sendo nesse caso essencial verificar o horário e anotar. Entretanto, não seja muito rígido com a sua programação, nós quando programamos viagens, sempre deixamos um tempo a mais para descanso no último dia, pois não adianta viajar e voltar mais cansado para a rotina de trabalho, mas esse período também pode ser aproveitado para ir novamente a locais que nós gostamos durante a viagem ou ir aonde não deu tempo.

Muitas das vezes é bom ir despreocupado e deixar a cidade te levar para onde ela quiser, mas faça isso se você tiver tempo para aproveitar ou se já tiver ido outras vezes no destino, caso contrário, o melhor mesmo é se preparar para aproveitar ao máximo

Espero que essa postagem tenha sido útil para vocês! Se sim, comentem se vocês sempre se organizam antes de viajar ou não, ok?

Beijos :*




Thália Gama
Botânica, amante de viagens, aventuras, brigadeiro, e tudo o que há de bom nessa vida. Casou com um singaporeano e decidiu viver do outro lado do mundo.

POSTS RELACIONADOS

Você também pode se interessar pelas postagens abaixo

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comentarios

Comentarios