Aeroportos e Cias Aéreas

O que fazer quando a passagem de avião é cancelada?

Postado dia 15 de julho de 2016

Eu e meu noivo passamos por isso recentemente e gostaria de compartilhar o que aconteceu e como “resolvemos” o problema aqui com vocês.

Existem duas possibilidades para este tópico, você cancelar uma passagem ou a companhia aérea cancelar o vôo, o que é mais preocupante e frustrante, e é sobre isso que vamos abordar aqui.

Primeiramente, vou fazer uma abordagem do nosso caso em específico. Bem, vamos lá. O nosso casamento está marcado para o dia 5 de novembro em Belém (PA), logo as passagens do Kelvin e da família dele foram compradas com antecedência pela Singapore Airlines, visto que eles não poderiam arriscar em comprar nada em cima da hora pra não ter chance de perder a data. Então, em maio compraram as passagens de ida e volta. Os trechos em questão eram ida: Singapura – Barcelona – São Paulo, volta: São Paulo – Barcelona – Singapura. Eles parariam alguns dias em Barcelona para conhecer e aproveitar a cidade. Final de junho deste mesmo ano eu li um post em outro blog falando do cancelamento de todos os vôos do trecho Barcelona – São Paulo a partir do dia 20 de outubro, data que nos afetaria.

A partir deste momento começou o transtorno! Passagens dentro do Brasil já tinham sido compradas, o que complicava ainda mais a reestruturação que a companhia aérea queria fazer. Foram dias e dias de ligações, de não retornos e de estresse, mas que agora foram ‘resolvidos’.

Em um primeiro momento a Singapore Airlines disse que iria transferir todas as pessoas daquele vôo para um vôo da Latam que sairia no mesmo dia, mas em outro horário. Solução que traria outro problema para nós, pois assim que chegasse no Brasil nós viajaríamos para Belém e com o vôo que eles disponibilizaram nós teríamos que trocar a data das passagens internas (e a Singapore airlines não pagaria por isso, a menos que compensasse para eles). O kelvin disse que poderia vir no vôo do dia anterior e assim ficou certo, mas ele queria que os pais dele conseguissem assentos na primeira fileira, pois ele havia pagado por isso. A atendente disse que iria verificar a disponibilidade  e retornar em 24h e não retornou a ligação nem em quatro dias, quando o Kelvin ligou disseram que ela tinha saído em férias…

Tivemos a ideia de ir por outro país, e a Singapore airlines pagar o valor referente ao segundo trecho em outra companhia que não fosse a Latam e eles se recusaram, pois disseram que seria mais caro e a partir daí decidimos que o melhor seria cancelar tudo e pedir o dinheiro de volta, pois não haveria outro acordo. Eu resumi bastante tudo o que aconteceu, senão ficaria muito chato ler tudo detalhado.

E quais seriam os nossos direitos?

No caso do cancelamento do vôo a empresa deve oferecer ao passageiro, além de toda a assistência material, opções de reacomodação em outros voos ou reembolso, o que aconteceu conosco. Caso você se sinta prejudicado ou com seus direitos desrespeitados você deve procurar a companhia aérea para reivindicar esses direitos, pois a compra do bilhete aéreo é um contrato entre a empresa e o passageiro, quando estamos comprando nós concordamos com todas as regras desse contrato.

Depois de ter feito isso registre uma reclamação contra a empresa na Anac e se quiser indenizar por danos morais e/ou materiais, o passageiro deve consultar os órgãos de defesa do consumidor ou entrar em contato com o Poder Judiciário. Nesse caso, é muito importante guardar o comprovante do cartão de embarque e os comprovantes dos gastos (no nosso caso seriam as passagens dentro do Brasil) ou documentos relacionados à atividade profissional que seria cumprida no destino.

Uma dica muito importante é ser educado, apesar disso você deve ser firme na hora de exigir seus direitos. Os funcionários que falam com você são treinados para dizer que a opção oferecida é a única disponível, o que não é verdade, mas a empresa não pode sair prejudicada em nenhum momento (só nós mesmo podemos).

Ainda bem que tudo ficou resolvido quando decidimos deixar de lado os vôos da Singapore Airlines.

Habemos casamento!!!




Thália Gama
Botânica, amante de viagens, aventuras, brigadeiro, e tudo o que há de bom nessa vida. Casou com um singaporeano e decidiu viver do outro lado do mundo.

POSTS RELACIONADOS

Você também pode se interessar pelas postagens abaixo

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comentarios

Comentarios